Scroll to top

A dor pós academia é uma lesão muscular ou um trabalho normal?

As dores musculares podem aparecer por diversos estímulos, como: dormir de uma forma errada e acordar com aquela dor no pescoço; estar correndo e torcer o pé; ou praticando algum esporte e levar uma pancada no joelho.

Lesões como estas são fáceis de identificar, afinal você sente a dor na hora, sabe o que provocou ela e na maioria das vezes consegue ver sinais, como o inchaço.

Mas e quando aparece um desconforto inesperado? como reconhecer se sua dor pós atividade física é apenas uma dor normal ou é consequência de uma lesão?

Toda vez que um treino for mudado, estímulos musculares, aumento de carga ou realizar uma atividade que exige grande esforço (como uma corrida, por exemplo), é comum nos dias seguintes sentir, além do cansaço, uma dor muscular progressiva.

Isso acontece devido a uma resposta fisiológica do organismo, seu músculo não estava preparado para aquele estímulo e a intensidade gerou microlesões nas fibras musculares ou seja, a dor é um sinal que seu músculo está passando por um processo inflamatório de regeneração.

A dor pós treino costuma atingir seu pico entre 24 e 48 horas após atividade física e caso o seu desconforto não regredir em três a cinco dias ou se a dor for limitante para realizar movimentos como escovar os dentes ou se sentar, por exemplo, pode ser um sinal que não é a apenas uma “dor pós treino” e sim uma contusão muscular.

Em caso de contusão é indicado repouso, em caso de hematomas locais a aplicação de gelo na região ou calor em situações onde o músculo limita o movimento, se for uma dor recorrente, sempre surgindo de forma intensa vale investigar com auxílio de um especialista.

Nosso corpo precisa de estímulos novos, é saudável realizar mudanças e treinos, mas tenha em mente que atividade física nunca deve ser sinônimo de dor.

Confira agora no Minuto com a Over! 😉👇

Compartilhe esse conteúdo 😉
Author avatar

Overstress

A Overstress é uma empresa que está na vanguarda na área de gestão à saúde em empresas.

Posts relacionados