Scroll to top

A importância da doação de sangue

A doação de sangue é um gesto solidário de doar uma pequena quantidade do próprio sangue para salvar a vida de pessoas que se submetem a tratamentos e intervenções médicas de grande porte e complexidade.

Uma única doação pode salvar até quatro vidas! Um simples gesto de amor e solidariedade pode gerar muitos sorrisos. O sangue é insubstituível e sem ele é impossível viver.

Por isso, é de extrema importância os brasileiros adotarem a cultura solidária da doação regular e espontânea de sangue.

Como doar sangue?

A doação de sangue é um processo muito simples e rápido.

Para isto, entre em contato com o hemocentro mais próximo e se informe sobre os dias e horários que são realizadas as coletas.

Existem impedimentos temporários e também impedimentos definitivos, por isso se informe em um hemocentro.

E responda todas as perguntas de maneira sincera na hora de fazer o seu cadastro. Se você acredita que se expôs a alguma situação de risco, se informe mais no hemocentro que você for comparecer

 

Quais são os requisitos para doação de sangue?
  • Estar entre 16 e 69 anos e pesando mais de 50kg;
  • Documento oficial com foto – menores de 18 anos só podem doar com consentimento formal dos responsáveis;
  • Estar bem alimentado. Evite alimentos gordurosos nas 3 horas que antecedem a doação de sangue – caso seja após o almoço, aguardar 2 horas.
  • Ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas.
  • A frequência máxima é de quatro doações de sangue anuais para homens e de três doações de sangue anuais para mulheres.

 

Doação

O procedimento para doação de sangue é simples, rápido e totalmente seguro. Não há riscos para o doador, porque nenhum material usado na coleta do sangue é reutilizado, o que elimina qualquer possibilidade de contaminação e também não é retirado nem 10% do total de sangue do corpo.

Por isso, após você realizar a doação, pode sair tranquilamente e fazer os seus compromissos cotidianos como de costume. 🥰

Quais são os impedimentos temporários para doar sangue?
  • Gripe, resfriado e febre: aguardar 7 dias após o desaparecimento dos sintomas;
  • Período gestacional;
  • Período pós-gravidez: 90 dias para parto normal e 180 dias para cesariana;
  • Amamentação: até 12 meses após o parto;
  • Ingestão de bebida alcoólica nas 12 horas que antecedem a doação;
  • Tatuagem e/ou piercing nos últimos 12 meses;
  • Extração dentária: 72 horas;
  • Apendicite, hérnia, amigdalectomia, varizes: 3 meses;
  • Colecistectomia, histerectomia, nefrectomia, redução de fraturas, politraumatismos sem sequelas graves, tireoidectomia, colectomia: 6 meses;
  • Transfusão de sangue: 1 ano;
  • Vacinação: o tempo de impedimento varia de acordo com o tipo de vacina;
  • Exames/procedimentos com utilização de endoscópio nos últimos 6 meses;
  • Ter sido exposto a situações de risco acrescido para infecções sexualmente transmissíveis (aguardar 12 meses após a exposição).

 

Fonte: Arquivos do Ministério da Saúde/SUS e Campanha Doação de Sangue
Disponível em: http://saude.gov.br/saude-de-a-z
Author avatar

Overstress

A Overstress é uma empresa que está na vanguarda na área de gestão à saúde em empresas.

Posts relacionados