Scroll to top

Dieta saudável é saúde…

Dieta saudável é sinônimo de saúde!

Porém, ao contrário do que muitos pensam, dieta saudável não são apenas aquelas dietas compostas apenas de legumes e verduras.

A chave para o sucesso de uma dieta saudável é a sua diversidade e capacidade de oferecer para o seu corpo todos os nutrientes que precisa na medida certa.

Uma dieta balanceada é extremamente importante, pois seus órgãos e tecidos precisam de uma nutrição adequada para trabalhar de forma eficaz. Sem uma boa nutrição, seu corpo fica mais propenso a doenças, infecções, fadiga e baixo desempenho.

Aumento dos níveis de obesidade e diabetes no Brasil e em outros países emergentes são exemplos dos efeitos da má alimentação, falta de exercício e como nosso estilo de vida afeta diretamente nossa alimentação e saúde. O Ministério da Saúde afirma que as doenças que mais causam mortes no Brasil são:

  • Doenças cardíacas;
  • Câncer;
  • Acidente Vascular Cerebral;
  • Diabetes.

Sendo que grande parte dessas doenças estão diretamente relacionadas com sedentarismo, estilo de vida e alimentação.

Então como conseguir uma dieta equilibrada?

O centro de uma dieta balanceada são os alimentos que são pobres em gorduras e açúcares desnecessários e ricos em vitaminas, minerais e outros nutrientes. Os seguintes grupos de alimentos são partes essenciais de uma dieta equilibrada:

Frutas

Além de serem uma ótima fonte de nutrição, as frutas fazem lanches saborosos. Escolha frutas que estão em temporada na sua região. Elas tendem a ser mais frescas e saborosas.

Frutas são ricas em açúcar. Este açúcar é natural, portanto, a fruta ainda pode ser uma escolha melhor para você do que outros alimentos com adição de açúcar.

Se você possui diabetes pode optar por frutas com um menor teor de açúcar. E caso queira ingerir carboidratos por meio de frutas, uma boa opção são Melões e Abacates.

Legumes

Legumes são fontes primárias de vitaminas e minerais essenciais. Verdes escuros e folhosos geralmente contêm mais nutrientes e podem ser consumidos em todas as refeições. Comer uma variedade de vegetais irá ajudá-lo a obter os nutrientes abundantes que todos os vegetais fornecem.

Exemplos de folhas verdes escuras incluem:

  • Espinafre;
  • Couve;
  • Vagem;
  • Brócolis;
  • Couve;
  • Acelga.
Grãos

Segundo estudos, os Brasileiros consomem farinha branca refinada mais do que qualquer outro grão. Farinha branca refinada tem baixo valor nutricional porque a casca do grão de trigo, ou casca exterior, é removida durante o processo de refinação. E é exatamente na casca da maioria dos grãos, legumes e frutas que nutrientes e vitaminas importantes estão.

Grãos integrais, no entanto, são preparados usando o grão inteiro, incluindo a casca. Eles normalmente tendem a ter maior valor nutritivo que os seus irmãos não integrais. Por isso tente mudar de pães brancos e massas para produtos integrais.

Proteínas

Carnes e feijões são fontes primárias de proteína, um nutriente essencial para o desenvolvimento adequado dos músculos e do cérebro. Carnes magras e com baixo teor de gordura, como frango, peixe e certos cortes de carne de porco e carne bovina são as melhores opções.

Removendo a pele e aparando qualquer gordura visível são maneiras fáceis de reduzir a quantidade de gordura e colesterol em carnes. A saúde e a dieta do animal são importantes e influenciam o perfil de ácidos graxos da carne, por isso as escolhas alimentadas com pasto são ideais.

Nozes e feijões também são boas fontes de proteína e contêm muitos outros benefícios para a saúde, assim como fibras e outros nutrientes. Tente incluir na sua dieta:

  • Lentilhas;
  • Feijões;
  • Ervilhas;
  • Amêndoas;
  • Sementes de girassol;
  • Nozes;Tofu, Tempeh e outros produtos à base de soja são excelentes fontes de proteína e são alternativas saudáveis ​​à carne, caso queira adotar uma dieta vegetariana.
Laticínios

Os produtos lácteos fornecem cálcio, vitamina D e outros nutrientes essenciais. No entanto, elas também são fontes importantes de gordura, por isso, talvez seja melhor escolher pequenas porções de queijos gordurosos e leite e iogurte com baixo teor de gordura ou sem gordura.

Leites à base de plantas, como aqueles feitos de semente de linhaça, amêndoas ou soja são tipicamente fortificados com cálcio e outros nutrientes, tornando-os excelentes alternativas aos laticínios de vacas.

Opte por Leite de Amêndoa e Leite de Soja caso queira optar por uma dieta livre de lactose.

Óleos

Óleos devem ser usados ​​com moderação. Opte por versões de baixo teor de gordura e baixo teor de açúcar de produtos que contenham óleo, como salada e maionese. Óleos bons, como o azeite de oliva, azeite da canola ou girassol, podem substituir o óleo vegetal (óleo de soja) mais gorduroso em sua dieta.

Além de adicionar certos alimentos à sua dieta, você também deve reduzir seu consumo de certas substâncias para manter uma dieta balanceada e um peso saudável. Esses incluem:

  • Álcool;
  • Grãos refinados;
  • Gorduras sólidas;
  • Gorduras saturadas;
  • Gorduras Trans;
  • Sal;
  • Açúcares.

 

Lembre-se: Antes de iniciar qualquer dieta controlada, recomendamos a visita a um profissional nutricionista, só ele poderá saber com precisão qual dieta você deverá seguir e sua rotina de alimentação.
Author avatar

Overstress

A Overstress é uma empresa que está na vanguarda na área de gestão à saúde em empresas.

Posts relacionados