Scroll to top

Enxaqueca, não mais!

Quem nunca sofreu de enxaqueca pelo menos uma vez na vida ou conhece alguém que já teve? Quase todo mundo né?

Enxaquecas são dores de cabeça graves, recorrentes e dolorosas. Elas podem ser acompanhados por sinais de alerta sensorial e outros sintomas.

Alguns fatos da enxaqueca são:
  • Algumas pessoas que sofrem de enxaqueca podem reconhecer alguns fatores que causam as dores de cabeça, como alergias, luz e estresse.
  • Algumas pessoas têm um sintoma de aviso antes do início da enxaqueca.
  • A maioria das pessoas podem evitar as crises sabendo reconhecer previamente os sintomas que antecedem as dores.
  • Alguns medicamentos vendidos sem receita médica podem eliminar ou reduzir a dor.
  • Pessoas que têm ataques graves podem tomar medicamentos preventivos.

 

Por mais que a enxaqueca seja amplamente estudada, suas causas ainda não são tão claras para os estudiosos da área. Porém as suspeitas são de atividades anormais no cérebro que afetam a maneira que as células nervosas se comunicam, resultando em impulsos alterados e com isso dor. Assim como certos componentes químicos e problemas relacionados aos vasos sanguíneos.

Então, quais medidas devo tomar para mitigar ou acabar com as crises?

Atualmente, não existe uma cura única para as crises de enxaqueca. Os tratamentos existentes visam evitar um ataque completo e aliviar os sintomas que ocorrem.

Alterações de estilo de vida que podem ajudar a reduzir a frequência de enxaquecas incluem:
  • Dormir o suficiente (entre 7 a 9 horas de sono);
  • Reduzir o estresse diário;
  • Beber muita água;
  • Evitar certos alimentos;
  • Praticar exercícios físicos regularmente;
  • Algumas pessoas também acham que dietas especiais podem ajudar, como dietas sem glúten.
  • Apague as luzes. As enxaquecas geralmente aumentam a sensibilidade à luz e ao som. Relaxe em um quarto escuro e silencioso.
  • Aplique compressas quentes ou frias na cabeça ou no pescoço. Chuveiros quentes ou banhos podem ter um efeito similar.
  • Beba uma bebida com cafeína. Em pequenas quantidades, a cafeína sozinha pode aliviar a dor da enxaqueca nos estágios iniciais ou aumentar os efeitos redutores da dor do paracetamol (Tylenol, outros) e da aspirina.

Considere procurar mais tratamento se as alterações acima não aliviarem os sintomas ou a frequência das enxaquecas. O tratamento dos sintomas da enxaqueca se concentram em evitar os gatilhos, controlar os sintomas e tomar remédios prescritos por profissionais.

Author avatar

Overstress

A Overstress é uma empresa que está na vanguarda na área de gestão à saúde em empresas.

Posts relacionados