Scroll to top

Mudanças de temperatura e baixa imunidade

Com o Outono chegando as temperaturas começam a cair. Porém como essa estação é uma estação de transição, as temperaturas tendem a ser inconstantes. Um dia está calor, outro dia está chuvoso e frio… E é essa mudança brusca de clima que causa um estrago tremendo em nosso sistema imunológico.

Nosso corpo estar acostumado com uma temperatura e ter que se adaptar rapidamente a outra, deixa nosso sistema imunológico vulnerável, garantindo assim entrada grátis para os mais variados tipos de vírus e bactérias oportunistas.

Além dessa mudança de temperatura ser prejudicial para o nosso organismo, a maioria das pessoas tendem a se fechar em ambientes com mais pessoas para impedir que o frio entre. Não precisa falar que isso é um má ideia, não concorda? A pouca ventilação nesses locais leva a uma rápida transmissão de vírus e bactérias que se espalham pelo ar. Principalmente o Rinovírus, causador do resfriado, e a Influenza, causadora da gripe. Muitas doenças infecciosas se espalham em áreas internas mal ventiladas, que constituem o ambiente mais favorável para a incubação de bactérias, o que leva ao surgimento de muitas doenças que rapidamente afetam o sistema imunológico e a sua saúde.

Micróbios amam lugares lotados. Locais públicos e sistemas de transporte público são locais perfeitos para a transmissão de patógenos pelo ar. Além de sistemas de ventilação inadequados e mal projetados em áreas populosas, níveis mais altos de umidade relativa também podem afetar a estabilidade de partículas transportadas pelo ar que disseminam patógenos de pessoa para pessoa. Por exemplo, a gripe se espalha mais facilmente em estações frias e úmidas. Em muitos países, o início do outono coincide com taxas mais altas de infecção.

Então o que fazer para evitar essas doenças e manter meu sistema imunológico e minha saúde fortes?
Aumentar a ingestão de vitamina D

Normalmente, praticamos mais atividades físicas durante a primavera ou verão do que no inverno ou outono, diminuindo drasticamente as horas em exposição ao sol, ou luz natural durante essas estações. Muitos estudos demonstraram que as pessoas correm maior risco de deficiência de vitamina D durante o inverno, quando mais tempo é gasto em ambientes fechados e roupas normalmente são usadas para cobrir todo o corpo, limitando a quantidade de vitamina D produzida durante a exposição à luz solar natural.

Por isso, recomenda-se passar tempo ao sol regularmente, expondo áreas do corpo, como braços, pernas e face à luz do sol, pelo menos duas a três vezes por semana, a fim do seu corpo formar Vitamina D, que é uma vitamina muito importante para a manutenção do sistema imunológico.

Embora a vitamina D da luz solar fortaleça o sistema imunológico, ela também desempenha um papel ativo na prevenção e no alívio de doenças como reumatismo, inflamação e osteoporose.

 

Monitore seus horários de sono

A melatonina é um hormônio poderoso e natural. Sua síntese é regulada pelo ciclo de luz e escuridão (ciclo cicadiano). A melatonina atua em várias funções do corpo, e seu papel mais efetivo entre elas está na regulação e proteção do sistema imunológico. Estudos recentes mostraram que a melatonina é eficaz no combate a várias infecções bacterianas e virais. A melatonina também regula a imunidade celular e humoral. Existe uma forte relação entre a secreção de melatonina e os raios solares, de acordo com estudos sobre o sistema imunológico de animais e humanos. Portanto, pode-se dizer que as doenças infecciosas sazonais estão intimamente relacionadas com a secreção de melatonina.

Existem muitos tipos de distúrbios do sono e suas razões variam. A queixa mais comum entre os pacientes com distúrbios do sono é dor de cabeça e cansaço. No entanto a obtenção de menos de oito horas de sono (número referência para adultos, pode ser levemente maior ou menor de acordo com cada pessoa) aumenta o risco de doenças relacionadas à imunodeficiência. Ter uma média de sete a oito horas de sono todas as noites é necessário para o corpo desempenhar suas funções diárias. Quando se dorme menos sete horas, o corpo não consegue descansar de forma adequada. Reduzir a quantidade de tempo de sono, altera os ritmos naturais do corpo e pode causar aumento da frequência cardíaca, pressão alta e doenças induzidas por infecção. Por esta razão, especialmente no outono, siga um regime consistente de sono cuidadosamente e mantenha um padrão de sono de oito horas, em média.

Para saber mais sobre sono e quais horários você deve seguir leia nossa matéria “Privação do sono” clicando AQUI.

 

Tenha uma dieta variada e saudável

Já mencionamos muito aqui no blog a importância de se ter uma dieta saudável e os seus benefícios, que vão muito além de um corpo saudável. Uma dieta saudável não significa uma dieta em que você não possa comer as coisas que gosta. Uma dieta saudável é uma dieta em que se assegura que você estará ingerindo as quantidades certas de todos os nutrientes e minerais que o seu corpo necessita para um bom funcionamento. Uma dieta saudável é uma dieta sem exageros, e acompanhar uma dieta saudável com exercícios físicos regulares é uma ótima maneira para manter um organismo saudável e seu sistema imunológico forte.

Para saber mais sobre dietas saudáveis leia nossa matéria “Dieta saudável também é saúde” clicando AQUI.

Veja também nossa matéria “Cardápio de Outono” clicando AQUI, onde damos ótimas dicas e receitas deliciosas para você preparar.

Author avatar

Overstress

A Overstress é uma empresa que está na vanguarda na área de gestão à saúde em empresas.

Posts relacionados