Skip links

Pensamento positivo

Ao contrário do que se pensa, focar apenas no pensamento positivo não é uma solução eficaz a longo prazo, já que este formato de reação pode causar uma negligência de informações importantes, por ser algo que muitas vezes vai contra o que estamos realmente sentindo.
Precisamos respeitar nossos momentos e nossas emoções, afinal, não somos formados apenas por momentos alegres.

Um exemplo são as pessoas que sofrem com a ansiedade, o pensamento positivo não reduz ansiedade e não auxilia na mudança de comportamento frente às situações adversas.

O que precisamos fazer em uma situação que possivelmente causará ansiedade, como um voo, é parar e pensar em todas as reais possibilidades e como agir.

Por exemplo, se uma pessoa irá passar por uma situação e sabe que causará ansiedade, se ela apenas tentar pensar positivo e que “tudo irá ficar bem”, não ajudará em nada e poderá ter uma crise de ansiedade assim mesmo. Precisamos prever a situação com previsão e nos preparamos para lidar com ela.

É comum que com o tempo, quem sofre de ansiedade com algumas situações, passe a evitar esses momentos desconfortáveis. Uma parte do aprendizado de como lidar com este estado de humor é aceitar sua ansiedade (mudança cognitiva), aprender a relaxar (mudança física) e abordar o que o assusta para que consiga lidar com os perigos identificados (mudança comportamental). As pessoas geralmente só superam a ansiedade quando mudam os pensamentos e superam a evitação.

Parte deste processo é realizar mudanças na própria vida e ambiente, como realizar atividades que reduzam o estresse, aprender a dizer não aos pedidos dos outros que considera irracionais, passar mais tempo com pessoas queridas e que são apoiadoras de seus projetos, ter atitudes que auxiliem a diminuir a discriminação ou assédio dentro do trabalho, unir-se com os vizinhos para melhorar a segurança em seu bairro.

Confira agora o Minuto Over! 😉👇

 

Compartilhe esse conteúdo 😉