Scroll to top

Tem cheiro de que?

Podemos adivinhar o que está no forno apenas pelo cheiro que sentimos no ar da cozinha.
Esse é o sentido do olfato!

É através dele que os odores podem ser percebidos e distinguidos, diferentemente da visão, que consegue notar uma série de cores ao mesmo tempo, o olfato é capaz de identificar apenas um odor de cada vez, mesmo que esse seja uma combinação de vários odores. Se dois odores coexistirem em um mesmo local, predomina o mais intenso, e no caso de ambos serem intensos, a percepção do cheiro irá alternar entre um e outro odor.

Esse sentido tem funções como: perceber e distinguir tipos de cheiros, desde o mais agradável até o mais desagradável.

O Olfato também está diretamente ligado à parte emocional do cérebro. Alguns estudos descobriram, por exemplo, que o cheiro de embalagens de pão fresco e de doces aumentam a chance de irritação; menta e canela melhoram a concentração e diminuem o nervosismo de motoristas, enquanto limão e café promovem melhor raciocínio e concentração no geral.

Exercite seu olfato buscando inalar o cheiro antes de ingerir algum alimento, seja um café, chá, ou um alimento mais forte, ao cheirar as coisas com mais regularidade antes de comê-las, o olfato se torna mais aguçado com o passar do tempo.

Há provas que indicam que “visualizar” cheiros também auxilia no desenvolvimento do olfato. Dedique alguns minutinhos do dia para imaginar os cheiros que você gosta!

Confira agora no Minuto com a Over! 👇😉

Compartilhe esse conteúdo 😉
Author avatar

Overstress

A Overstress é uma empresa que está na vanguarda na área de gestão à saúde em empresas.

Posts relacionados